Matérias Legislativas

 

Projeto de Resolução: 001/2017

Data: 27/01/2017

Resumo

Dispõe sobre a concessão de homenagem ao Monsenhor Manuel Rômulo Rocha.

Justificativa

Excelentíssimo Vereadores,

Apraz dirigir-se a Vossas Excelências para apresentar o incluso Projeto de Resolução que “DISPÕE SOBRE A CONCESSÃO DE HOMENAGEM AO MONSENHOR MANUEL RÔMULO ROCHA”.

O Projeto de Resolução visa reconhecer publicamente os relevantes serviços prestados pelo Monsenhor Manuel Rômulo Rocha ao longo de 15 anos na cidade de Marco, seja no aspecto espiritual ou social.

É exatamente por sua dedicação aos mais carentes, além da sensibilidade no enfrentamento dos problemas dos munícipes, que o Monsenhor Manuel Rômulo Rocha passou a ser admirado e respeitado, justificando a homenagem que ora propomos.

Representa, também, a gratidão da população local, que independente da predileção religiosa respeita e admira o incansável trabalho deste ser humano voltado para a bondade e semeador da paz física e espiritual; sempre com discursos marcados pela generosidade e humildade.

Numa sinopse de sua trajetória, registramos que Manuel Rômulo Rocha, filho de José Ribamar Rocha e Eugênia Castro Rocha, nasceu em 26 de fevereiro de 1959, em Marco, Ceará. Foi batizado na igreja matriz de São Manuel, aos 03 de março de 1959, pelo Padre Egberto Rodrigues de Andrade, tendo sido os padrinhos Pe. Egberto Rodrigues de Andrade e Nossa Senhora do Perpétuo Socorro.

Iniciou seus estudos primários no Educandário São Manuel, em Marco, depois de estudar no Grupo Escolar Manuel Osterno Silva. Em seguida, passou a estudar no Centro Educacional São Manuel e, mais tarde, no Colégio Estadual Dom José Tupinambá da Frota, em Sobral. O 2º grau do ensino básico foi iniciado no Colégio Estadual e concluído no Colégio Sobralense.

Ingressou no Seminário Diocesano São José, em 31 de janeiro de 1977. Foi fazer curso superior de Filosofia e Teologia, no Seminário Provincial de Fortaleza, em 1º de março de 1979. Concluído o curso superior, recebeu o Diaconato, em 17 de dezembro de 1983, na Catedral de Nossa Senhora da Conceição, em Sobral, Ceará, de Dom Walfrido Teixeira Vieira. A ordenação presbiteral se deu na matriz de São Manuel de Marco, em 15 de dezembro de 1984, às 19,00 horas, das mãos de Dom Walfrido, Bispo Diocesano. A primeira missa solene, na cidade natal, aos dezesseis dias do mesmo mês e ano.

Há fatores que influenciaram sua vocação. Um deles, foi o ocorrido numa visita pastoral feita por Dom Walfrido a Marco, depois de uma cerimônia litúrgica, em que Dom Walfrido pessoalmente disse ao católico Rômulo: “Eu quero que você vá para o seminário, para ser um padre.’’. Sua vida como acólito levou àquele menino o amor da Santa Mãe Igreja. Também a presença de Mons. Waldir repercutiu na sua alma de vocacionado. Dentre as atividades pastorais e atividades correlatas, destacam-se as nomeações, em 1985, ao cargo de vice-reitor do Seminário São José, e ao posto de vigário paroquial da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, de Massapê, Ceará. No dia 26 de janeiro de 1987, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, em Reriutaba, Ceará. Em 1989, foi fazer uma experiência no Convento dos Frades Franciscanos Menores - OFM, em Pernambuco, onde permaneceu por apenas seis meses, devido à necessidade de realização de uma cirurgia na coluna vertebral. Felizmente, ficou curado. No dia 10 de junho de 1989, tomou posse como vigário paroquial da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Bela Cruz, Ceará, substituindo o Mons. Odécio Loiola Sampaio. No dia 11 de fevereiro de 1990, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Piedade, em Coreaú, Ceará. Aos 25 dias de fevereiro de 1996, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Bela Cruz. No dia 07 de maio de 2000, foi nomeado pároco da Paróquia de Nossa Senhora da Conceição, em Meruoca, e, no dia 03 de fevereiro de 2002, transferido como pároco para sua terra natal, Marco, cujo padroeiro titular é o Mártir São Manuel. Alguns de seus feitos nas paróquias por onde passou são a reforma da Casa Paroquial e aquisição de um veículo para Paróquia, em Martinópole, a reforma do presbitério e aquisição de um veículo para os trabalhos pastorais, em Reriutaba, a construção do altar de Bom Jesus dos Passos, a reforma completa da Casa Paroquial e da Sacristia da Igreja de São Francisco, a instalação de vitrais, portas novas, sistema de energia elétrica na igreja matriz e um veículo para a Paróquia, em Coreaú, a reforma da sacristia, do presbitério e do forro da igreja matriz, a aquisição de um veículo novo, a restauração de imagens e quadros da via sacra e uma economia considerável em dinheiro para a construção de uma Casa Paroquial nova, em bela Cruz, a reforma do presbitério em granito e instalação de bancos novos e sólidos na igreja matriz, a aquisição de um veículo e uma economia considerável em dinheiro para a reforma da Casa Paroquial, em Meruoca, e, finalmente, a conclusão da reforma da igreja matriz, iniciada em 03 de fevereiro de 2002 pelo Mons. Waldir, que se deu aos 17 de agosto de 2003, a aquisição de um veículo mais potente para a paróquia, a criação da Rádio Santuário FM 98,7, as reformas completas da Casa Paroquial e do Patronato Mater Dei, tendo, este, suas dependências ampliadas e a reforma do Salão Paroquial, em Marco, estando, agora, ocorrendo a reforma do Santuário Sagrado Coração de Jesus. No dia 25 de novembro de 2016, foi agraciado com a Comenda Manuel Jaime Neves Osterno, honraria com que o município de Marco, por meio da Câmara Municipal, homenageia cidadãos pelos relevantes serviços prestados à comunidade. Em maio de 2010, recebeu o título de Vigário Episcopal e, em 31 de outubro de 2011, o de Monsenhor.

Seu pensamento pessoal, frequentemente men
cionado por si, é: “Eu vejo na Igreja de Cristo a continuação do mistério salvífico em cada membro que sofre, nos marginalizados e nos pobres, que completam sua paixão.’’.

Diante de uma biografia tão honrosa e respeitada, ora requeremos que os nobres Edis apreciem e aprovem em regime de urgência-rugentissima o Projeto de Resolução ora apresentado, tudo na forma regimental

Tramitação da matéria

Número da sessão Exercício da sessão Tipo da sessão Data da sessão Expediente Fase Situação
001 2017 Ordinária 06/02/2017 Pequeno Expediente Leitura Em Tramitação
006 2017 Extra-Ordinária 07/02/2017 Ordem do dia 1º Turno de Votação Aprovada
007 2017 Extra-Ordinária 07/02/2017 Ordem do dia 2º Turno de Votação Aprovada
Voltar    

Câmara Municipal de Marco

Localização

Rua Rios, S/N
Centro - 62.560-000
Marco - CE
ouvidoria@cmm.ce.gov.br

Redes Sociais